Mateus Lavor Lira e Tayná Milfont Sá

Boa Noite!

Estamos aqui para compartilhar com vocês as alegrias de um ano, com conquistas olímpicas inesquecíveis para nós e para todos que estiveram vibrando conosco no percurso.

Como essas conquistas foram coletivas, precisamos primeiro agradecer a Deus, por ter nos dado forças para superar todas as dificuldades e continuar nos esforçando sem desistir. Depois, agradecer à nossa família e, especialmente, aos nossos pais, que tiveram que ter muita paciência com todas as aulas que tivemos que ir e, mesmo assim, muitas vezes, estiveram mais animados com nossas vitórias do que nós mesmos.

E não podemos deixar de agradecer ao Farias Brito, a Escola que nos proporcionou um ambiente de carinho e acolhida e que nos estimulou a confiar que éramos capazes de atingir nossos objetivos. Aos nossos queridos professores, dignos de toda a admiração e parte essencial da caminhada, pedimos desculpas pelas numerosas dúvidas que sempre trazíamos e agradecemos por serem tão solícitos para resolvê-las. A missão não teria sido cumprida completamente sem vocês. Agradecemos por terem se tornado também amigos e grandes incentivadores para a superação. Agradecemos, ainda, aos coordenadores, diretores e supervisores do Colégio Farias Brito e seus auxiliares, que muito se esforçaram pela nossa vitória. Vocês foram prestativos e torceram por nós em todos os momentos. Fica nosso sincero abraço para a família FB.

Por fim, mencionamos nossos amigos (olímpicos ou não), que confiaram em nós em todos os momentos, que sustentaram as crises de nervosismo e que enriqueceram a nossa luta com o seu coração tão grande e generoso. Os nossos sorrisos não poderiam ser os mesmos sem vocês.

Falta só falar dela, a Biologia, que nos fascinou a cada nova descoberta e nos fez descobrir tanto sobre o mundo e sobre nós mesmos. Depois de meses de dedicação, ela nos deu duas semanas de uma viagem que sempre trará saudades e suscitará lindas lembranças nos nossos corações. Ela também nos proporcionou a oportunidade de viajarmos juntos como melhores amigos que, depois do cansaço de milhares de questões, da leitura de vários livros diferentes e de uma vitória compartilhada, tornam-se mais unidos e sabem que um é o apoio do outro para superar o que quer que seja.

Torcemos para que a educação, capaz de transformar vidas de uma forma tão genuína, tenha um lugar maior nesse país e para que outros alunos continuem descobrindo que o estudo pode levar a lugares que nunca tenham imaginado.

Agradecemos pela atenção!

Mateus Lavor Lira e Tayná Milfont Sá, alunos FB – medalhas de prata e de bronze, respectivamente, na Olimpíada Internacional de Biologia.

Discurso proferido durante a Solenidade de Premiação da Olimpíada Interna de Ciências

 
Mateus Lavor Lira e Tayná Milfont Sá
2º Ano do Enisno Médio